terça-feira, 24 de dezembro de 2013

A RÁDIO NESTE NATAL

PAIXÃO DA RÁDIO
Destaque de Natal: Hoje é dia de ser bom
Durante muitos anos a rádio foi um veículo priveligiado de difusão das
tradições e hábitos dos vários póvos.
A facilidade de comunicação e as grandes distâncias cobertas permitiram
dar a conhecer formas diferentes de encarar e celebrar o Natal.
Os grandes países usaram este meio para massificar objectos, convertendo
símbolos religiosos e tradicionais em meros objectos de consumo e prazer.
Por exemplo, a imagem carinhosa e prazenteira do Pai-Natal resulta de uma
campanha publicitária criada em 1931 pela Coca-Cola.
Usaram a figura de S. Nicolau com umas vestimentas especiais, para promover a
famosa bebida. Contrataram um actor para representar o bispo, ao qual
vestiram um fato vermelho, de calças e túnica e, na cabeça foi colocado um
barrete também ele vermelho, com um debruado a branco e um pompom na ponta.
Também o Natal foi uma época importante para os pioneiros da rádio.
Algumas das experiências foram levadas a cabo nessa época.
No natal de 1900, Reginald A. Fessenden transmitiu a sua primeira mensagem,
exactamente seis meses após a demonstração pública de Landell em junho de
1900 em São Paulo.
Seis anos mais tarde Fessenden criou a primeira estação de Rádio a emitir
da Brant Rock Station, Massachussets.
na noite de Natal, utilizando como gerador de ondas contínuas, o "alternador
de alta frequencia" construido por Alexanderson, de acordo com o especificado
na encomenda de Fessenden: Frequência de 100Khz e potência média de 1K, a
bordo de navios as pessoas puderam ouvir o próprio Fessenden a tocar o seu
violino: "O Holly Night", irradiando músicas e uma alocução alusiva à
data e lendo uma passagem da Biblia.
Em Portugal, quase terminando o ano de 1924, surgem as primeiras
transmissões de TSF por dois amadores de Lisboa. Já a rádio chegava das
principais capitais da Europa e se tornara um hábito de religiosa escuta nos
lares de muitos portugueses.
Quantas histórias, canções e sonhos terão passado pelos receptores dos
nossos pais ou avós?
Certamente ficarão guardados na memória dos tempos... o resto será apenas
fruto da nossa imaginação!
A todos os que nos visitaram, colaboraram com textos, sons, imagens, áudio,
vídeo, bem como donativos que ajudaram a manter este projeto, desejamos
boas festas e um novo ano repleto de realizações e felicidade.
António Manuel Silva
aminharadio.com
AMINHARADIO newsletter http://www.aminharadio.com/radio/taxonomy/term/217
- Anular a subscrição da newsletter:
http://www.aminharadio.com/radio/newsletter/confirm/remove/7eec60a261982t217

Nenhum comentário:

Postar um comentário